Ninguém gosta de fracassos e todos reagem de forma diferente ao fracasso.

Alguns imediatamente acusam os outros, enquanto outros sofrem sozinhos ainda que injustamente.

Da próxima vez que você e sua equipa falhar, resista à tentação de culpar alguém. Estes quatro passos podem ajudar a melhorar o desempenho de todos:

1- Rotineiramente e antes que um erro aconteça diga à sua equipa que ninguém deve ter medo de errar, mas que é mau repetir o mesmo erro. E que todo o erro deve ser assumido de imediato para que possa ser corrigido oportunamente. Camuflar o erro só pode agravar as coisas.

2- Quando o erro acontecer (Lei de Murphy) pense antes de agir. Não reaja imediatamente nem impulsivamente. Se o fizer, só pode piorar as coisas.
Empregue o tempo necessário para considerar várias interpretações possíveis do evento. Assuma o erro e passe ao processo de correcção e de melhoria.

3- Pedir ajuda e não ficar na defensiva. Se os dados mostrarem que é uma questão de mau desempenho, procurar as causas:
Não querem? Não podem? Não sabem? Não têm os meios adequados?
É questão de liderança?
Faça perguntas e ouça. Nunca assuma que sabe o que os outros pensam. Recolher feedback e depois estudar só ou conjuntamente as possíveis soluções.

4 - Retire uma lição e implemente as correcções ao processo. Faça-o, vendendo a ideia e melhorando-a se necessário. Depois de ter a certeza de qual é a solução não hesite na sua implementação. Dê-lhe um carácter de urgente e dramático para atalhar as resistências.


Autor: Fernando Heleno - M21 Global - Traduções Técnicas M21 Global